Vem chegando o verãoo…

Oie!

Lembrando a música de Marina, o verão é lindo, mas requer muitos cuidados com a pele.

O sol é o principal vilão para a pele no verão. A radiação UVB atinge a Terra mais intensamente neste período, principalmente das 10 às 16 horas, sendo responsável pelas queimaduras solares e a médio e longo prazo pelo surgimento de câncer de pele, entre eles os carcinomas. Para qualquer tipo de pele o ideal é evitar exposições prolongadas ao sol.

Segundo o dermatologista Dr. Alexandre Y. Okubo, a proteção solar deve ser feita em qualquer época do ano, mas no verão os cuidados devem ser redobrados. A dica é usar filtros solares com FPS maior ou igual a 30. Se for à piscina ou praia prefira produtos resistentes a água e reaplique o protetor a cada três horas. “É indicado também fazer uso bonés, chapéus, camisetas com tecido tecnológico (FPS 50+) e óculos de boa procedência”, diz o médico, que é membro efetivo da Sociedade Brasileira de Dermatologia.

No verão também pode surgir outros problemas de pele.

Micoses: principalmente entre os dedos dos pés e virilhas. O calor e umidade dessa época do ano aumentam a suscetibilidade de se adquirir fungos. Pode causar manchas vermelhas e descamação nessa região, com ou sem coceira. Em casa o ideal é deixar as regiões afetadas bem secas. No consultório o médico vai receitar antifúngicos tópicos ou até via oral.

Brotoejas (miliária): atinge principalmente os bebês. Em dias muito quentes e abafados, nas regiões de dobras podem aparecer bolinhas vermelhas pequenas que incomodam. Neste caso o ideal é deixar a criança em ambiente arejado e fresco. Receitas caseiras envolvem uso de maisena com água, compressas frias. Se necessário o médico pode receitar cremes anti-alérgicos.

Fitodermatose: é uma reação de queimadura solar com contato de suco ou sumo de frutas como limão, tangerina, maracujá, figo, caju, laranja e exposição solar em seguida. Há desde vermelhidão até queimadura de segundo grau com formação de bolhas. Após o acidente lavar a região com água e sabão e evitar exposição solar direta. Dependendo do grau de inflamação o ideal é procurar um pronto-socorro. Pasta de dente, creme de asssadura, álcool, entre outros produtos, não devem ser aplicados em cima da queimadura pois pode piorar a situação.

Todo cuidado é necessário no verão!

kisses!

Anúncios
Esta entrada foi publicada em Beleza, Dicas Diversas. ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s